sábado, 18 de junho de 2011

O Vendedor de Sonhos e a Revolução dos Anônimos - Augusto Cury

   O livro conta a história do Mestre, estranho homem que aparece causando tumulto entre as pessoas que o conhecem, mas não por propor uma revolução e sim por questionar seus seguidores, desenvolvendo sua consciência crítica. Ele e seu grupo vagam pela cidade, aparecendo nos lugares mais impróprios, sobrevivendo da esmola da população, dormindo debaixo de viadutos e pontes e que, apesar das dificuldades, prega que as pessoas que conhecem a si mesma, que amam acima de tudo e reconhecem os seus iguais como seres humanos com sentimentos é que deveriam ser considerados pessoas famosas. Os anônimos da sociedade, que valorizam as pessoas é que são os mais ricos, pois possuem um bem que dinheiro nenhum no mundo pode comprar: a amizade e companheirismo sincero de outras pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aquaman

Arthur Curry é o fruto de um amor improvável: um romance entre um humano e a rainha do reino perdido de Atlântida (Atlanna). Apesar d...