domingo, 13 de agosto de 2017

O Direito de Dizer NÃO - Walter Riso



   "Cada vez que abaixamos a cabeça, que nos submetemos ou cedemos a demandas irracionais, damos um golpe duro na autoestima: flagelamo-nos. E mesmo que saiamos aliviados naquele momento, conseguindo diminuir a adrenalina e o incômodo gerado pela ansiedade, resta-nos o dissabor da derrota, a vergonha de ter ultrapassado a barreira do amor-próprio, a culpa por ser um traidor das próprias causas" Walter Riso, no livro O Direito de Dizer NÃO.

   O livro citado trás histórias referentes à mais de vinte anos de experiência do autor relacionados ao tema do amor-próprio, da autoestima, da assertividade. Conforme o autor, "a assertividade é a capacidade de exercer e/ou defender os seus direitos pessoais, como, por exemplo, dizer 'não', expressar discordâncias...". O livro trás diferentes situações em que foram ou não aplicadas a assertividade, e os resultados dessas ações. Pessoas que se sentem culpadas, que se menosprezam, que acreditam que devem ser submissos e abrir mão de seus direitos em favor de outras pessoas que acabam manipulando-as, ou simplesmente se aproveitando delas e o estudo de caso de como elas conseguiram enfrentar seus problemas através da utilização da assertividade, conseguindo defender suas ideias e opiniões serem ser agressivo com os outros, pois, como o autor nos trás no livro, precisamos amar a nós mesmos, de cuidarmos de nós mesmos, sem descuidarmos dos demais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário